Tendências das certificações ISO

Muito se fala sobre as tendências das certificações ISO , como estará a ISO 9001 daqui alguns anos, como os sistemas de gestão integrados irão se adaptar a inovações tecnológicas, ou se outras normas irão substituir as já consagradas ISO 9001, ISO 14001 e a ISO 45001.

Quando falamos em tendências, precisamos primeiro avaliar dois cenários diferentes, as tendências brasileiras e as tendências internacionais.

Se avaliarmos o crescimento das certificações no mundo todo, podemos observar que as Normas que tiveram maior crescimento em certificações de sistemas de gestão respectivamente são ISO 50001 (gestão de energia), ISO 20000 (gestão de tecnologia da informação), ISO 22301 (gestão de continuidade de negócios) e ISO 27001 (gestão de segurança da informação).

O crescimento das certificações nessas normas se devem a diversos fatores, tais como:

  • incentivos fiscais de governos para melhores práticas de mercado;
  • uso das Normas como ferramenta de gestão;
  • novas tecnologias e inovações;
  • tendências de mercado.

Quanto as certificações das normas mais adotadas no mundo, a ISO 9001 e ISO 14001, apresentam globalmente uma tendência de estagnação no cenário internacional.

Agora um outro cenário completamente diferente acontece quando avaliamos as tendências de certificação no Brasil, não se trata necessariamente das tendências serem mais positivas ou negativas no país, mas sim diferentes do que acontecem globalmente.

No Brasil, as Normas ISO 50001 (gestão de energia), ISO 20000 (gestão de tecnologia da informação), ISO 22301 (gestão de continuidade de negócios) e ISO 27001 (gestão de segurança da informação) possuem números de certificações praticamente irrisórios e não obedecem as tendências mundiais.

Isso se deve principalmente aos fatores listados acima não terem sido observados pelo mercado nacional, bem como a imaturidade do setor industrial e serviços no conhecimento das diversas normas de sistemas de gestão.

Quanto a ISO 14001, esta apresenta ainda uma semelhança ao mercado global, sendo suas certificações em uma fase de estagnação, mas quando observamos a ISO 9001, identificamos um crescimento acima do mercado global, principalmente impulsionado pela certificações de pequenas e médicas empresas, bem como o mercado de serviços aderindo a Norma.

Concluo, sem nenhuma forma pejorativa, que o mercado nacional está atrasado em relação as tendências das certificações ISO globalmente, o Brasil ainda não utiliza a vasta oferta de Normas para implementação em ramos específicos como a ISO 50001, ISO 20000, ISO 22301 e ISO 27001 e a falta de profissionais capacitados pode ser um indicativo deste atraso.

A ISO 9001 é e sempre vai ser uma ferramenta fantástica de gestão para as empresas, o mercado nacional está entendendo cada vez mais esse processo e a tendência no Brasil é a a ISO 9001 crescer ainda mais em número de certificações, quando a ISO 9001 já estiver consolidada ai sim é hora de pensarmos nas outras Normas, está prerado?! Vamos juntos nessa jornada.

QMS Certification

A QMS Certification é um organismo de certificação internacional acreditado que atua especificamente com certificação de sistemas de gestão e treinamentos de normas aplicáveis.

Webinar do mês

Confira nossos conteúdos ao vivo!

Todo mês ensinamos ao novo gratuitamente, confira e se inscreva!

Nos webinars que você assistir ao vivo, há liberação de um certificado de participação ;)

Logo Q Academy Branco

Cursos online de
Sistemas de Gestão

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

O terceiro setor é uma esfera da atividade econômica que engloba organizações não governamentais (ONGs), associações, fundações e outras entidades que atuam com finalidades sociais, ambientais, culturais ou de desenvolvimento comunitário, mas que não raras vezes são usadas para prática de fraudes, por isso o Compliance no