Qual a Importância da Segurança da Informação nas Empresas? (ISO 27001)

Com o avanço tecnológico, cresceram também as ações de vazamentos de dados nas empresas, por isso é importante manter os dados da sua empresa seguros!

Com o avanço tecnológico e o crescimento de golpes, hackers, invasões de sistemas e vazamentos de dados, as empresas precisaram se atualizar, indo muito além dos tão comuns antivírus. Por isso, é necessário que a empresa possua mecanismos que garantam a segurança da informação. 

Podemos dizer que a segurança da informação corresponde a ações e ferramentas voltadas para a proteção de dados das empresas. Da mesma forma, a informação engloba tudo que acontece dentro da organização como transações, novos cadastros de clientes, número de vendas, estoque, novas ações de marketing, lançamento de produtos, informações de colaboradores, e tudo que, de alguma forma, passa pela organização.

 Imagine que uma empresa não realiza a segurança de suas informações, automaticamente, ela fica ainda mais vulnerável a eventuais ataques e vazamentos de dados.

O problema não se limita só ao ataque em si, mas ao pós-ataque também. Pois, uma vez que haja algum tipo de invasão ou vazamento, a empresa não terá um plano de contingência pré-estabelecido, não saberá como agir. Isso pode acarretar em danos imensuráveis.

Pilares da segurança da informação  

Para construir um bom sistema de segurança da informação é fundamental é recomendável se apoiar em alguns pilares. vejamos:

Confidencialidade  

Quando escutamos a palavra confidencial, já pensamos em assuntos sérios e que devem ser protegidos. Esse pensamento não está errado, porém isso não se resume a simplesmente proteger os dados da empresa. E sim ter controle e saber exatamente quem pode e quem não pode ter acesso aos dados

Falando de uma forma mais direta, é restringir o acesso para que se mantenha a privacidade das informações. Não adianta criar um sistema de proteção de dados se as pessoas que têm acesso a ele podem vazá-los e colocar todo o sistema em cheque.

Por isso, esse é o primeiro passo que tem que ser dado para a estruturação do sistema de segurança da informação. 

Integridade  

de forma simplificada, a palavra integridade significa: característica ou estado daquilo que se apresenta ileso, intacto, que não foi atingido ou agredido.

E esse é exatamente o papel desse pilar, manter as informações da empresa intactas, protegidas para que não sofra nenhum tipo de dano. Aqui, estamos nos referindo a manter as informações à salva, sem que elas se deteriorem, no caso de informações físicas (em papel, por exemplo) ou que se corrompam (em caso de informação digitalizada, por exemplo).

Disponibilidade 

Como vimos no início do artigo, as empresas adotam as suas informações para as tomadas de decisões. Por isso, é fundamental que as informações estejam sempre à disposição das partes interessadas. Isso, sempre respeitando níveis de confidencialidade, é claro!

 Vamos a um exemplo de como a indisponibilidade de informações pode afetar uma empresa. Imagine que um cliente quer comprar uma grande quantidade de produtos. Então, o colaborador vai acessar as informações de estoque, porém as informações estão indisponíveis no momento.  

Isso pode trazer insatisfação do cliente, pois terá que esperar o sistema voltar ou os colaboradores contarem manualmente os produtos do estoque. Podendo até mesmo fazer com que a empresa perca a venda.

Autenticidade 

Quando um dado é salvo no sistema da empresa, é importante que a origem e o conteúdo do dado não sofram alterações.

Por isso estabelecer um sistema que garanta que somente pessoas autorizadas possam acessar e editar determinados dados do sistema. Da mesma forma, a empresa precisa garantir que todos os documentos que cheguem às pessoas sejam verdadeiros, garantindo assim confiança na leitura de dados.

Assim, enquanto a integridade garante que as informações possam ser lidas ou acessadas, a Autenticidade garante que essas informações são verdadeiras.

Irretratabilidade

Esse pilar também é conhecido como não repúdio, ele garante que o autor de ações como assinaturas, edição de documentos, informações fornecidas, etc., tenha sua autoria sempre identificada e registrada.

Isso ajuda a garantir que aquele documento será alterado apenas quando a organização o permitir. Dessa forma, não será possível, nem por parte do usuário nem por parte da empresa, negar a autoria e veracidade das informações.

Responsabilidades 

Quando acontecerem vazamento de dados, perdas de informações e qualquer outro tipo de ação que possa prejudicar ou influenciar de maneira negativa a segurança das informações, é preciso que a responsabilidade por esses atos seja levantada. 

Assim, esse pilar diz que os responsáveis serão responsabilizados por essas ações tanto dentro da empresa quanto perante a lei.

Como a ISO 27001 pode ajudar a sua empresa a implementar o sistema de segurança da informação 

A ISO 27001 é uma norma internacional para a implementação do Sistema de Gestão de Gestão de Segurança da Informação. A norma descreve passo a passo como a empresa deve implementar o sistema de segurança da informação de maneira que essas informações tenham chances minimizadas de vazamento.

De acordo com a própria norma, ela foi preparada para:prover um modelo para estabelecer, implementar, operar, monitorar, analisar criticamente, manter e melhorar um Sistema de Gestão de Segurança da Informação (SGSI)”. 

Com a implementação da ISO 27001, sua empresa terá vários benefícios contidos e instruídos pela norma. Como, por exemplo, monitorar e analisar criticamente o SGSI, manter e melhorar o SGSI, controlar melhor os documentos, controlar registros, gerir recursos, ações corretivas e preventivas. 

Dessa forma, implementar a ISO 27001 na sua empresa permitirá que ela se comprometa com a segurança de seus dados, trazendo confiança para clientes, sócios, fornecedores e todas as partes interessadas. Com o avanço tecnológico, cresceu também o risco de vazamentos de dados, por isso ter uma empresa certificada com a ISO 27001, traz maior confiança e credibilidade para o mercado.

QMS Certification

A QMS Certification é um organismo de certificação internacional acreditado que atua especificamente com certificação de sistemas de gestão e treinamentos de normas aplicáveis.

Webinar do mês

Confira nossos conteúdos ao vivo!

Todo mês ensinamos ao novo gratuitamente, confira e se inscreva!

Nos webinars que você assistir ao vivo, há liberação de um certificado de participação ;)

Logo Q Academy Branco

Cursos online de
Sistemas de Gestão

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

O terceiro setor é uma esfera da atividade econômica que engloba organizações não governamentais (ONGs), associações, fundações e outras entidades que atuam com finalidades sociais, ambientais, culturais ou de desenvolvimento comunitário, mas que não raras vezes são usadas para prática de fraudes, por isso o Compliance no