Logo QMS Certification Blog
Pesquisar
Fazendo o planejamento estratégico baseado na ISO 9001

Fazendo o planejamento estratégico baseado na ISO 9001

Saiba como fazer um planejamento estratégico baseado na ISO 9001 para alavancar os resultados da sua organização no ano de 2024! Leia agora!

Fazer o planejamento estratégico baseado na ISO 9001 pode parecer algo um tanto distante da sua realidade. Talvez você possa estar pensando: “Mas eu sou o cara da qualidade, isso não é minha função, o que eu tenho a ver com isso? Eu sou o cara da qualidade, o planejamento estratégico é coisa da Alta Direção”.

Entretanto, agora, te convido a assumir essa responsabilidade e ajudar a direcionar o planejamento estratégico da sua empresa com foco na Qualidade! Afinal, o planejamento estratégico que não leva em consideração a qualidade dos produtos ou serviços que sua organização fornecer está fadado ao fracasso iminente!

Assim, utilizar a ISO 9001 como foco e base para as entradas do planejamento estratégico é uma ótima forma de assegurar que importantes aspectos do Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) serão pensados, planejados e, mais que isso, serão foco de futuras ações! Assim, é resultado garantido para sua empresa!

Neste artigo, falarei sobre a principal entrada disponível devido a implementação da ISO 9001 e como ela é essencial para o planejamento estratégico. Após ler este conteúdo, te convido a assistir meu vídeo no nosso canal do Youtube – vou deixar o link ao final do artigo – lá eu explico passo a passo, com dicas práticas, sobre como utilizar essas informações e dou uma “receita de bolo” com mais 3 aspectos vitais da 9001 no planejamento estratégico. Agora, vamos ao conteúdo.

Entradas do planejamento estratégico usando a ISO 9001

Uma das partes mais fundamentais do planejamento estratégico é sem dúvidas a análise da situação atual da empresa. A partir dessas informações começamos a traçar planos, tratar problemas e direcionar o futuro de toda a organização, bem como seus objetivos estratégicos.

A ISO 9001:2015 é baseada no famigerado Anexo SL, uma estrutura de alto nível para todas as normas ISO. E aqui está a beleza dessa norma (e de todas as ISOs já atualizadas para o Anexo SL), pois ela traz diversas informações que são focadas justamente em entender o estado atual da empresa (o cenário), para, assim, podermos atuar sobre ele. Vejamos um dos principais exemplos disso:

O Contexto da organização é a própria análise de cenário

Devido ao Anexo SL, a norma inicia justamente exigindo que a empresa levante o cenário atual de seus processos, exigência normativa presente no item “4.1 Entendendo a organização e seu contexto”.

Esse item diz que a empresa precisa estabelecer suas questões internas e externas relativas ao SGQ. O que nos leva a, mais naturalmente, executar uma análise de cenário completa. O que precisa ser atualizado e refeito de tempos em tempos. Inclusive, se seu Contexto da Organização estiver desatualizado, aproveite para revisitá-lo.

Apenas como dica, uma das formas mais comuns de analisar o cenário organizacional é, não por coincidência, utilizar uma das ferramentas de planejamento estratégico chamada Matriz SWOT. Com ela, avaliaremos as forças (Stregths), fraquezas (Weakenesses), ameaças (Threats) e oportunidades (Opportunities) do negócio. Com uma ferramenta como essa, temos grande parte das informações necessárias ao planejamento estratégico.

Outro item que está presente na norma ISO 9001 e que é vital para o planejamento estratégico está relacionada aos famosos Stakeholders. No item “4.2 Partes Interessadas”, a ISO determina que a empresa determine suas artes interessadas e as necessidades delas. Utilizando essa informação, conseguimos criar um planejamento estratégico mais voltado à qualidade e ao que esperamos dela, bem como ao que nossos clientes (internos ou externos) buscam da empresa.

Pode acontecer, por exemplo, de novos investidores surgirem durante a história da empresa. Como parte interessada da organização, esses investidores são importantes e devem constar, de uma forma ou de outra, no planejamento estratégico da empresa. E a 9001 nos lembra disso e ajuda a acrescentar esse fator aos processos e na rotina das pessoas, o que é vital!

O contexto da organização é só uma parte do todo!

Neste artigo, falei apenas do contexto da organização para o conteúdo não se estender muito. Porém diversos outros inputs comuns da gestão da qualidade podem enriquecer e até mesmo direcionar o planejamento estratégico.

Por exemplo, a própria gestão de riscos pode ser extremamente útil na hora de traças planos estratégicos. Mesmos porque muitos dos riscos levantados são estratégicos, riscos que podem afetar diretamente a organização no médio e longo prazo. Portanto, porque eles devem fazer parte das ações, ou seja, precisam ser considerados no planejamento estratégico.

Tudo isso precisa estar presente no momento inicial do planejamento, aquele em que pensamos sobre o cenário atual e o que vai direcionar o processo como um todo. Com isso, garantimos maior abrangência e muito mais assertividade no processo e na empresa como um todo!

Dessa forma, as informações mais importantes e vitais serão consideradas, analisadas e estudadas para que novos objetivos sejam criados ou que objetivos antigos sejam validados. Bem como, levar isso tudo em consideração ajuda a alinhar o que a empresa espera às suas próprias políticas e objetivos da gestão a qualidade!

Dicas práticas e “receita de bolo” para fazer o planejamento estratégico baseado na ISO 9001 [Vídeo]

Se você gostou desse artigo, assista nosso vídeo explicando passo a passo, explicando a “receita” completa para um planejamento assertivo e focado em qualidade! Consideramos que há 4 aspectos fundamentais da ISO 9001 que podem agregar em um planejamento estratégico, e aqui só falamos de 1 deles (o Contexto da Organização).

No vídeo, que tem apenas 11:21 min, proponho que você monte um documento simples chamado de Planejamento Estratégico com Foco em Qualidade!

Nele, falamos ainda sobre os outros 3 aspectos vitais que a 9001 apresenta, dou dicas de como abordá-los com sua diretoria e ainda falamos sobre como montar essa apresentação (em ppt, por exemplo) para mandar essas informações para a sua Alta direção.

Com essas dicas, seu planejamento estratégico ficará muito mais fácil e assertivo, focado em buscar resultados para você e sua empresa! Assista agora:

QMS Certification

QMS Certification

A QMS Certification é um organismo de certificação internacional acreditado que atua especificamente com certificação de sistemas de gestão e treinamentos de normas aplicáveis.

Conteúdo de Sistemas de Gestão toda semana no seu e-mail? Oba!

Assine nossa newsletter e receba nossos posts direto na sua caixa de e-mail.

Como funciona o ciclo de auditorias nas certificações ISO?

Como funciona o ciclo de auditorias nas certificações ISO?

O ciclo de auditorias nas certificações ISO corresponde a quantidade e frequência de auditorias que precisam acontecer para que sua empresa receba e mantenha o tão sonhado certificado. Para que isso aconteça, há um processo muito bem estabelecido e que depende tanto da sua empresa quanto do