Tratamento de Não Conformidades: Análise de Causa

Tratamento de Não Conformidades: Análise de Causa

No universo da gestão de qualidade, um dos aspectos mais cruciais é o tratamento eficaz de não conformidades. A análise de causa é um procedimento indispensável nesse contexto, proporcionando um caminho para evitar sua recorrência. Saiba mais!

Entendendo a Não Conformidade

Antes de falarmos sobre análise de causa, é importante entender o que é uma não conformidade. Trata-se de uma divergência em relação aos padrões ou procedimentos estabelecidos A identificação de uma não conformidade é o primeiro passo, seguido de ações imediatas para contenção do problema, evitando que impacte negativamente o cliente ou os processos internos da empresa.

Análise de Causa Raiz

Após a implementação de ações imediatas, a análise de causa raiz é o foco. Nessa etapa é necessário entender o porquê de um problema ter ocorrido, indo além dos sintomas iniciais para identificar a origem do problema. Para facilitar essa análise há uma série de ferramentas e técnicas, como os cinco porquês, o diagrama de Ishikawa (ou espinha de peixe), análises de Pareto, histogramas e árvores de falhas, entre outras. Deixamos abaixo um exemplo para demonstrar a diferença de causa inicial com análise de causa raiz.
Tratamento de Não Conformidades Análise de Causa

Ferramentas e Técnicas para Análise de Causa

Conforme abordado anteriormente, há algumas opções de ferramentas e técnicas para ajudar na identificação de causa raiz, separamos as mais utilizadas para você:

  • Cinco Porquês: Esta técnica, pela sua simplicidade, incentiva a continuação do questionamento até que se chegue à raiz do problema.
  • Diagrama de Ishikawa: Facilita a identificação de possíveis causas de uma não conformidade, categorizando-as em aspectos como método, mão de obra, material, meio ambiente, medição e máquinas.
  • Análise de Pareto e Histogramas: Auxiliam na priorização das causas, identificando as mais significativas.
  • Árvore de Falhas: Utilizada especialmente em áreas técnicas, como a de software, para visualizar as relações de causa e efeito.

 

A Importância da Colaboração

A análise de causa não deve ser feita apenas por uma pessoa, é essencial reunir uma equipe multidisciplinar para conseguir enxergar o problema dos mais diferentes aspectos, deixando a discussão muito mais enriquecedora. Brainstormings, reuniões de análise e o uso de quadros brancos ou flipcharts são práticas recomendadas para fomentar a colaboração e o debate.

 

Conclusão

A análise de causa raiz é uma ferramenta poderosa para o tratamento de não conformidades, permitindo não apenas resolver problemas de forma eficaz, mas também prevenir sua recorrência. O envolvimento de uma equipe multidisciplinar e a escolha adequada das ferramentas de análise são fundamentais para o sucesso desse processo.

Para aqueles interessados em explorar ainda mais o tema, deixamos abaixo o primeiro vídeo de uma série que fizemos para o YouTube sobre Tratamento de Não Conformidades 😉

QMS Certification

QMS Certification

A QMS Certification é um organismo de certificação internacional acreditado que atua especificamente com certificação de sistemas de gestão e treinamentos de normas aplicáveis.

Webinar do mês

Confira nossos conteúdos ao vivo!

Todo mês ensinamos ao novo gratuitamente, confira e se inscreva!

Nos webinars que você assistir ao vivo, há liberação de um certificado de participação ;)

Logo Q Academy Branco

Cursos online de
Sistemas de Gestão

Tratamento de Não Conformidades: Análise de Causa

Tratamento de Não Conformidades: Análise de Causa

No universo da gestão de qualidade, um dos aspectos mais cruciais é o tratamento eficaz de não conformidades. A análise de causa é um procedimento indispensável nesse contexto, proporcionando um caminho para evitar sua recorrência. Saiba mais!

Guia Completo Acreditação ONA

[Guia Completo] Acreditação ONA

Em 1 de março de 2024 a QMS adquiriu a TS4 Saúde e agora atua como uma instituição acreditadora credenciada (IAC) ONA. Mas afinal, o que é ONA?