Como tratar Recomendações de Melhoria

Em um processo de auditoria de certificação da QMS é comum gerar recomendações de melhoria durante o processo, essas recomendações fazem as organizações melhorarem seus sistemas de gestão e processos.  

Na QMS, definimos recomendações de melhoria como:

  • A conformidade com os requisitos dos critérios de avaliação (Normas) podem estar em risco e a organização está obrigada a investigar o potencial da não conformidade e implementar ações.

Ao final da auditoria de certificação, o auditor pode deixar com a organização uma ou mais recomendações de melhorias, na QMS, essas recomendações devem ser tratadas e na próxima auditoria serão verificadas para avaliação de sua eficácia.

 

Mas afinal, como tratar recomendações de melhoria?

A organização pode utilizar a mesma sistemática interna para tratamento de não conformidade e assim dar tratamento as recomendações de melhoria com ações corretivas e processo de verificação de eficácia.

  • Correção/Disposição: A organização precisa avaliar uma correção imediata, também denominada de disposição, para a recomendação de melhoria apontada. Esse processo tem por objetivo sanar a situação de imediato.
  • Causas: Assim como em não conformidades, é necessário a organização avaliar possíveis causas que geraram esse apontamento.  Dentro da sistemática da empresa já existe método definido para análise de causa, portanto deve ser aplicado como tal. Ferramentas como o Diagrama de Ishikawa auxiliam esse processo para chegar na causa raiz.
  • Abrangência: o processo de avaliação de abrangência para as recomendações de melhoria apontadas também é fundamental para um correto tratamento, deve ser verificado se o fato gerador dessa recomendação de melhoria pode estar presente em outros processos ou setores da organização.
  • Ações corretivas: Ao findar as etapas anteriores e já conhecer a causa raiz do fato gerador das recomendações de melhoria é hora de estabelecer os planos de ação. Com base em toda a investigação a organização pode chegar em uma ou mais ações para sanar o problema ocorrido, como ações de treinamento, revisão de processo, revisão de procedimento, double check de processos, etc.
  • Verificação de eficácia: Após as ações corretivas, a organização, de acordo com seus procedimentos internos, verifica a eficácia das ações corretivas.

Na próxima auditoria de manutenção todas as evidências, planos de ação, registros serão verificados pelo auditor responsável para este fechar nos controles da QMS e evidenciar a melhoria contínua por meio das recomendações de melhoria.

QMS Certification

A QMS Certification é um organismo de certificação internacional acreditado que atua especificamente com certificação de sistemas de gestão e treinamentos de normas aplicáveis.

Webinar do mês

Confira nossos conteúdos ao vivo!

Todo mês ensinamos ao novo gratuitamente, confira e se inscreva!

Nos webinars que você assistir ao vivo, há liberação de um certificado de participação ;)

Logo Q Academy Branco

Cursos online de
Sistemas de Gestão

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

O terceiro setor é uma esfera da atividade econômica que engloba organizações não governamentais (ONGs), associações, fundações e outras entidades que atuam com finalidades sociais, ambientais, culturais ou de desenvolvimento comunitário, mas que não raras vezes são usadas para prática de fraudes, por isso o Compliance no