Brainstorming: o que é e como aplicar?

Está procurando uma técnica para criar novas ideias para seu negócio e explorar a criatividade da sua equipe? Então o brainstorming pode ser sua solução!

Você provavelmente já ouviu aquele ditado que diz “Duas cabeças pensam melhor que uma!”, correto? É com base nisso que podemos resumir a proposta da ferramenta Brainstorming!

Brainstorming é uma palavra que vem do inglês e que podemos traduzir para “tempestade de ideias”. Foi originalmente desenvolvida em 1939, por Alex Osborn. Desde então, tornou-se uma técnica utilizada em muitas empresas que buscam inovar seus processos, buscar soluções criativas para novos projetos ou solucionar problemas.

O Brainstorming nada mais é do que uma forma de integrar e explorar a capacidade criativa de sua equipe. Isso, através de diferentes pontos de vista para, assim, encontrar ideias de melhorias e soluções.

Assim, podemos dizer também que o Brainstorming está focado em buscar a criatividade dos participantes da técnica, extraindo o que há de melhor nas pessoas.

Aplicação do Brainstorming na rotina empresarial

Imagine que estamos em uma equipe e precisamos realizar um projeto do zero. Algo novo na empresa e que traz incertezas para todos. Quando são levantadas diversas ideias e sugestões, conseguimos ter diferentes conceitos que ajudam a montar uma estrutura e dar um passo adiante no início do projeto.

Essa é justamente a intenção da técnica Brainstorming, uma chuva de ideias, possibilidades e conhecimentos para assim conseguirmos alcançar o objetivo proposto.

Segundo a técnica, tudo deve ser levado em conta neste momento inicial, por mais estranhas que possam parecer suas ideias, elas devem ser levadas em consideração. Isso porque, de alguma forma, elas podem ajudar no processo final.

O Brainstorming se popularizou, principalmente, sendo utilizado nas áreas de marketing e publicidade. Entretanto, não se limita apenas para esses campos, podendo ser utilizado por qualquer tipo de empresa.

Mas para que isso seja utilizado de maneira efetiva, precisamos entender e aplicar algumas regras. Elas ajudam a garantir uma boa realização da técnica e a maximização da coleta de oportunidades. Vamos a elas.

Princípios fundamentais para aplicar o Brainstorming

A proposta do Brainstorming é que um grupo de pessoas possa se reunir e explanar seus pensamentos e opiniões sem represálias. Isso, seja para planejar um novo projeto, desenvolver um novo produto, resolver problemas, entre diversas outras funções.

Para isso, é sugerido que alguns princípios básicos sejam seguidos, são eles:

Focar na quantidade

Quanto mais ideias, melhor o processo!

A técnica do brainstorming diz que é possível encontrar a qualidade dentro da quantidade. Então, em um primeiro momento, não elencamos o que é bom ou não, e sim quanto mais ideias surgirem.

Evitar críticas

Como o objetivo principal dessa técnica é realizar um levantamento de muitas ideias, tudo o que for sugerido é bem-vindo. Dessa forma nenhuma sugestão deve ser criticada durante a sessão, pois o propósito é fazer todos os envolvidos participem do processo e opinarem.

Se, em algum momento, a ideia sugerida for criticada, isso pode desestimular a pessoa a continuar opinando, bem como pode afetar outros participantes. Isso pode fazer com que o número de sugestões a serem levantadas diminua, prejudicando a técnica.

Apreciar todas ideias

Todas as sugestões, inclusive as que fogem dos padrões ou conceitos previamente conhecidos, são sempre muito bem-vindas. Pois o objetivo é que ocorra uma “tempestade de ideias” com diferentes pontos de vista. Assim, elogie cada contribuição recebida!

Combinar e melhorar as ideias

Esse é um princípio muito relevante, pois aqui podemos entender que é possível criar novas ideias a partir de coisas já existentes, ou seja, sugerir novas propostas e aprimorar isso baseado em feitos já realizados anteriormente.

Evite conflitos

Quando vários pontos de vista são levantados em uma roda de conversa, conflitos podem surgir e o papel do responsável é evitar que esses conflitos fiquem tensos, que sejam levados para o lado pessoal. Afinal, pois o  brainstorming é um momento de aprendizagem e não de gerar problemas entre sua equipe.

Colocar as ideias em ação

É fato que o brainstorming é um momento de reflexão, descobrimento de ideias e interação entre o grupo. Mas é importante que as visões que são levantadas sejam colocadas em ação, pois se não esse processo vai gastar apenas o tempo dos envolvidos.

Hora de colocar o brainstorming em ação!

Após definidos os princípios que fazem parte da técnica, esse é o momento de organizar como isso será realizado.

Todas as ideias devem ser discutidas e registradas para análise e alguns pontos devem ser observados para que sua sessão de brainstorming seja produtiva.

1.Determine um objetivo

É necessário estabelecer muito bem o objetivo. E, logo de início, avaliar se todos os envolvidos entendem bem, para que as sugestões sejam bem direcionadas para não desviar o foco.

2.Registre as ideias

Podemos realizar o levantamento das ideias e escrevê-las em post-its, por exemplo. É possível até mesmo utilizar aplicativos de computador e celular que realizam mapas mentais, onde todos escrevem suas sugestões e essas podem ser visualizadas facilmente por todos os participantes.

Basta que todos estejam reunidos e usem sua criatividade para explorar as infinitas possibilidades para que “tempestade de ideias” ocorra.

3.Crie um ambiente favorável

Para que as ideias possam fluir bem, a equipe precisa estar em um ambiente tranquilo, calmo, e que os ajude a estimular a criatividade.

4.Escolha um líder

Toda sessão precisa de um responsável. Alguém que ajude a garantir o controle da equipe e para guiar a proposta que vai ser realizada, bem como para manter a ordem e fluidez da reunião.

5.Estabeleça um tempo

Para fluir da melhor maneira, é necessário estabelecer um limite de tempo. Isso ajuda a não desviar muito do objetivo principal e otimizar o encontro.

Definido assim todos os passos e princípios para realizar um bom brainstorming, você pode conversar com sua equipe e adotar os melhores métodos.

Pronto para executar o Brainstorming na sua empresa?

Quando uma técnica de brainstorming é bem executada, podem surgir soluções inovadoras. novas ideias que podem mudar o rumo do seu negócio! Bem como, qualquer ideia que surgir levará à reflexão e pode fazer total diferença na sua empresa.

Além disso, o Brainstorming faz com que a equipe que está fazendo parte do processo se sinta muito mais integrada e valorizada dentro do seu ambiente de trabalho. Estimulando assim, além da melhoria, o bem-estar na organização.

Espero ter ajudado!

 

QMS Certification

A QMS Certification é um organismo de certificação internacional acreditado que atua especificamente com certificação de sistemas de gestão e treinamentos de normas aplicáveis.

Webinar do mês

Confira nossos conteúdos ao vivo!

Todo mês ensinamos ao novo gratuitamente, confira e se inscreva!

Nos webinars que você assistir ao vivo, há liberação de um certificado de participação ;)

Logo Q Academy Branco

Cursos online de
Sistemas de Gestão

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

Compliance no Terceiro Setor: Entenda a sua importância

O terceiro setor é uma esfera da atividade econômica que engloba organizações não governamentais (ONGs), associações, fundações e outras entidades que atuam com finalidades sociais, ambientais, culturais ou de desenvolvimento comunitário, mas que não raras vezes são usadas para prática de fraudes, por isso o Compliance no