Logo QMS Certification Blog
Pesquisar
A importância da política da qualidade

A importância da política da qualidade

Compreenda a importância da política da qualidade como impulsionadora da melhoria contínua e do alcance de resultados. Leia agora!

No artigo de hoje, discutiremos a importância da política da qualidade no sentido mais amplo. Por muito tempo, a definição desse item foi entendida como algo burocrático e pouco útil. Porém, com o avanço da gestão e o aumento da consciência dos profissionais, ela tem sido cada vez mais vital no alcance de resultados.

Para começar, vale lembrar que estabelecer, implementar e manter uma política da qualidade em um organismo certificado ou empresa que está buscando certificação é mandatório. E isso não só para na ISO 9001:2015, mas em qualquer norma de diretrizes da ISO.

Isso acontece porque as políticas são uma boa prática que deve ser levada a sério, ajudando a direcionar processos e conscientizar pessoas. Assim, sistemas como os de gestão ambiental e de saúde e segurança do colaborador também requisitarão a criação de políticas que apoiem a gestão e os processos diários. Dito isto, vamos compreender melhor o que é uma política.

 

O que é uma política empresarial

Como um todo, as políticas servem para estabelecer o relacionamento que a liderança estratégica da organização tem para com seus processos e a forma como está pretende entregar seus produtos, prestar seus serviços e, com isso, alcançar resultados.

Assim, a política é o canal pelo qual todos os acordos (internos e externos) a respeito do trabalho e das entregas serão firmados. Ela é extremamente necessária, básica e mandatória em termos de certificação. Assim como é vital que ela esteja conectada com a estratégia da empresa e com os objetivos que a organização busca alcançar.

 

A importância da política da qualidade ISO 9001:2015

A política faz parte da sessão de liderança do famoso anexo SL e, assim, também da ISO 9001:2015. Isso significa que ela deve ser estabelecida pela alta gestão, preferencialmente com a participação de todas as outras lideranças e pessoas presentes no sistema de gestão.

Isso acontece porque a organização precisa conscientizar as pessoas sobre a qualidade e o trabalho que elas executam, assim, entender e agir norteados pela política é fundamental! A política auxilia as pessoas a entender não só porque elas estão trabalhando como também o que é esperado delas.

Trazendo o fator política para o ciclo PDCA, metodologia que norteia todas as normas ISO e é referência em melhoria contínua, a política está no P de planejamento. Ou seja, ela surge no momento em que estamos pensando e discutindo o sistema e quais caminhos seguiremos para garantir o alcance dos nossos objetivos.

 

Requisitos de uma boa política da qualidade

A ISO 9001:2015 apresenta algumas boas práticas que ajudam a desenvolver uma política da qualidade mais aderente e voltada às pessoas, processos e resultados.

Olhando para a norma, primeiro entendemos que a política precisa ser apropriada ao contexto da organização (requisito 4). Isso significa que ela deve conversar com o escopo do sistema, com os pontos forte e fracos da organização, com as ameaças e oportunidades.

Da mesma forma, a política deve fornecer estratégias e estrutura para que atinjamos os objetivos da qualidade. Assim, a política deve levar em consideração o cenário macro da empresa para que estabeleçamos metas, desenvolvamos comportamentos e formas de chegar aos resultados esperados. Isso, é claro, sempre fornecendo conformidade e satisfação ao cliente.

Segundo a norma, é preciso ainda que a política estabeleça um compromisso real com os requisitos do sistema de gestão, trazendo a responsabilidade de as lideranças proverem todos os recursos necessários à conformidade, desde treinamentos e instruções a recursos físicos diversos. Da mesma forma, é preciso também ter um compromisso ativo com a melhoria contínua com o sistema de gestão e para com a empresa como um todo.

 

Relação política da qualidade e compliance

As políticas são também fundamentais para garantir melhor cumprimento das regras de compliance, sendo vitais nessa área. Assim, o sistema de gestão precisa levar em consideração as necessidades não só normativas, como também regulatórias e estatutárias.

De forma simplificada, a política da qualidade precisa conversar com todas as necessidades específicas da empresa, não impedindo que elas sejam atendidas. Ela precisa garantir a aderência aos requisitos da ISO 9001, garantindo a integridade da certificação.

Por fim, a política precisa também assegurar que requisitos legais sejam cumpridos e atendidos para, assim, alcançarmos conformidade regulamentar.

 

A verdadeira importância da política da qualidade: melhoria continua e mais resultados!

Com tudo que discutimos nesse texto, fica mais fácil compreender como a política da qualidade é essencial para a estratégia do negócio. Como ela deve ser bem pensada, bem elaborada e fazer parte do coração da sua empresa e de todas as entregas desta.

A política é muito mais que um jargão ou quadro decorativo na parede da sua empresa. Ela deve ser a essência dos treinamentos, da execução dos processos e de como as pessoas a serviço da empresa devem se comportar. Assim, a política é um processo integral, que precisa ser pensada desde a elaboração até a comunicação e manutenção deste item.

Vale ressaltar que é exigência da norma que a política seja documentada e esteja disponível tanto internamente como também externamente, ou seja, para todas as partes interessadas. O que reforça sua importância e capilaridade dentro da organização.

Porém, se procurarmos o mais importante ponto a respeito da importância da política da qualidade, sem dúvidas, focamos em melhoria continua! Por ser uma orientadora do comportamento, uma boa política intensifica o senso de melhoria e cria mais receptividade aos problemas e à necessidade de resolvê-los.

Como ela fala sobre os compromissos da empresa e suas entregas, ela põe em pauta a necessidade de melhorar produtos e serviços e garantir mais satisfação para o cliente. A empresa que tem uma política bem ajustada, realista e motivadora, tem, em si, uma poderosa ferramenta incentivo à excelência e otimização dos processos.

Portanto, a política motiva e direciona a empresa a determinar e buscar continuamente melhorar o que ela se compromete a entregara ao mercado, o tipo de qualidade que ela quer entregar e, de forma geral, o impacto que ela tem perante a sociedade. Apenas tecendo os objetivos operacionais, de treinamento, financeiros e estratégicos com base em uma política forte e vivencial será possível atingir esses objetivos e alcançar resultados excelentes para todas as partes interessadas!

Aprenda mais sobre a ISO 9001:2015 com o curso de Auditor Líder ISO 9001:2015 da Q Academy.

QMS Certification

QMS Certification

A QMS Certification é um organismo de certificação internacional acreditado que atua especificamente com certificação de sistemas de gestão e treinamentos de normas aplicáveis.

Conteúdo de Sistemas de Gestão toda semana no seu e-mail? Oba!

Assine nossa newsletter e receba nossos posts direto na sua caixa de e-mail.

Como funciona o ciclo de auditorias nas certificações ISO?

Como funciona o ciclo de auditorias nas certificações ISO?

O ciclo de auditorias nas certificações ISO corresponde a quantidade e frequência de auditorias que precisam acontecer para que sua empresa receba e mantenha o tão sonhado certificado. Para que isso aconteça, há um processo muito bem estabelecido e que depende tanto da sua empresa quanto do